2020-12-18

CNA solidária com camponeses e as suas organizações da Índia

Perante as dificuldades que enfrentam os camponeses em todo o Mundo, a Assembleia Geral da CNA aprovou uma carta onde manifesta a sua solidariedade com os pequenos e médios agricultores e agricultoras da Índia e as organizações que lutam em defesa dos seus direitos e contra as reformas legislativas introduzidas pelo Governo da Índia.

Estas reformas, que liberalizam os preços e põem fim aos mercados regulados pelo Governo, colocam os camponeses numa situação de grande vulnerabilidade perante as grandes corporações e o grande agro-negócio, fomentando a pressão que as empresas fazem aos agricultores com o intuito de comprarem a sua produção a preços baixos. Esta situação contribuiu massivamente para a ruína de milhares de explorações agrícolas.

Desta forma, a CNA não pôde ficar indiferente e enviou um apelo à representação diplomática da Índia em Portugal, instando o Governo indiano a recuar na introdução das reformas, defendendo assim os camponeses e o direito humano da sua população a uma alimentação adequada (leia a carta AQUI).

 

Imagem: Pessoas pertencentes à comunidade Sikh participam em manifestação de solidariedade com os camponeses que protestavam em Delhi contra as leis da reforma agrícola, em Calcutá. Crédito: PTI Photo