UADL reuniu com a Câmara Municipal de Porto de Mós para falar dos problemas que afectam a Agricultura Familiar da região

A União dos Agricultores do Distrito de Leiria (UADL) foi recebida, no dia 19 de Janeiro, em Audiência pelo Presidente da Câmara Municipal de Porto de Mós.

No encontro foram debatidas as dificuldades das Populações Rurais do Concelho com os altos custos dos factores de produção, as dificuldades dos escoamentos dos bons produtos locais e os baixos preços à produção pagos pelos produtos.

Foi abordado o problema – sério – da desertificação do Mundo Rural e neste debateu-se a falta de assistência médica nas freguesias rurais. A falta de médicos obriga as pessoas a deslocarem-se de madrugada para os lugares de atendimento à espera de vez, e teme-se que dentro de pouco tempo possa haver freguesias sem médico de família.

A falta de serviços públicos de qualidade é um dos factores que, aliado à ruína da Agricultura Familiar, conduz à desertificação do Mundo Rural.